Naomi Kumamoto - Flûtiste de Choro

Naomi Kumamoto, flautista, pianista, compositora e regente de choro


Nascida em Kobe, no Japão, Naomi Kumamoto formou-se em música (flauta) pela Universidade de Pedagogia de Osaka.Trabalhou durante vários anos em orquestras sinfônicas, onde tocava o repertório de música erudita e atuava em gravações e apresentações. Um dia descobriu o choro e se apaixonou.

EM 2000, numa Roda de choro, conheceu o violonista e compositor Mauricio Carrilho, então em turnê no Japão. Através deste encontro Naomi viajou pela primeira vez para o Rio de Janeiro em 2001, logo entrou em estúdio para gravar na série Princípios do Choro ao lado dos grandes chorões. No ano seguinte voltou ao Rio para gravar o seu primeiro disco de choro.Tocou também na coleção de CDs Joaquim Callado - Pai dos Chorões.

Naomi rd

Em 2003, deixou a música erudita e se dedicou somente ao choro. Seu primeiro disco de choro, Naomi vai pro Rio, com composições próprias, foi lançado pela Acari Records. 

Em 2004, Naomi organizou o Festival de Música Brasileira em Kobe homenageando o 35º aniversário das cidades-irmãs Rio de Janeiro e Kobe. Participaram do evento os músicos brasileiros Mauricio Carrilho, Luciana Rabello, Pedro Amorim e Celsinho Silva (o conjunto 5 no Choro), além de cerca de 40 grupos japoneses de vários estilos da música brasileira e quatro conjuntos profissionais de choro. No Festival aconteceu a primeira oficina de choro no Japão e 80 pessoas aprenderama linguagem do choro com músicos brasileiros. O 5 no Choro fez uma turnê por cinco cidades japonesas. Em setembro Naomi se mudou definitivamente para o Rio para viver de choro.

No ano seguinte, graças ao sucesso alcançado durante o Festival de Kobe, o 5 no Choro foi convidado para nova turnê, em sete cidades, incluindo uma oficina no Japão com odisco do grupo, 5 no Choro. Em seguida participou das gravações da série de CDs Choro Carioca : Música do Brasil e lançou no Japão um livro de partitura de choro, Coleções de choro para flauta e violão, com Mauricio Carrilho e o violonista e arranjador Paulo Aragão pela editora japonesa Chuo Art Publishing Co. É o primeiro livro japonês de choro.


Em 2006, foi convidada para realizar um show e oficina no Clube do Choro de Paris. Também neste ano participou de um dos primeiros eventos comemorativos do centenário da imigração japonesa no Brasil, na cidade de Santos (SP), promovido pelo Clube do Choro daquela cidade. Em setembro, viajou à Alemanha com o conjunto Caldereta Carioca para interpretar a obra O Boi no Telhado, de Darius Milhaud, em arranjo especial para conjunto regional. O grupo apresentou a peça também em palcos do Rio de Janeiro e São Paulo. Em dezembro realizou uma turnê (shows e oficinas), desta vez acompanhada do violonista Paulo Aragão pelas cidades de Osaka, Nagoya, Shiroishi, Kamakura.


Naomi Kumamoto foi responsavel pela primeira apresentação de música brasileira dentro do Consulado-Geral do Japão no Rio de Janeiro, durante o "Mês do Japão", em 2006. Sua música, recheada de elementos japoneses e brasileiros, foi considerada uma "evolução da cultura japonesa".


Em abril de 2007, por ocasião do Dia Nacional do Choro, recebeu uma Moção da Câmara dos vereadores do Rio de Janeiro, pelos serviços prestados ao choro.
A partir de 2006 Naomi tornou-se professora titular de flauta da Escola Portátil de Música.Participou como professora das cinco edições do Festival Nacional de Choro, em 2004, 2006, 2007, 2008 e 2010.


Em 2008, por ocasião da visita do príncipe Naruhito do Japão ao Brasil, para os festejos do centenário da imigração japonesa no Brasil, Naomi apresentou-se em um recital de choro para o príncipe, ao lado dos chorões Luciana Rabello, Mauricio Carrilho e Pedro Amorim. Apresentou-se semanalmente no auditório da Rádio Nacional do Rio de Janeiro, como integrante do Conjunto Regional do Programa Escola Portátil no Ar, executando um repertório diferente a cada semana, para um público heterogêneo, em concertos com entrada franca.
Realiza turnês no Japão com shows e oficinas em dezembro de 2010, agosto de 2011 e fevereiro de 2012 para divulgar o choro.Foi convidada para participar da convenção de flauta em Shiga em agostode 2011 realizada pela associação dos flautistas do Japão. Foi a primeira vez que o choro foi apresentado neste evento.


Naomi se integrou no quarteto Los Cuatro criado no Rio de Janeiro ao lado do violonista Sergio Valdeos (Peru), clarinetista Rui Alvim e bandolinista Pedro Aragão que mostra outros rítmos na busca por uma musicalidade sem fronteiras na América do Sul. O primeiro disco do grupo está em fase de produção.


Participa ativamente de gravações de discos de choro, como "Rancho Carnavalesco Flor do Sereno", "Jacaranda", de Mauricio Carrilho e Doug de Vries, ou "Brasileiro Saxofone", de Nailor Proveta.
--
熊本尚美
Naomi Kumamoto
***************************************
naomikumamoto@gmail.com
http://www.naomikumamoto.com